segunda-feira, 24 de setembro de 2012

RESUMO - INDAGAÇÕES SOBRE CURRICULO - Antonio Flavio Barbosa Moreira e Vera Maria Candau

CURRÍCULO, CONHECIMENTO E CULTURA - 

Resumo com palavras chaves : A ABORDAGEM DO TEXTO É POR TÓPICOS.


CURRÍCULO - existe distintas concepções, vai depender de como a educação é concebida historicamente.

Diferentes fatores sócio-econômicos, políticos e culturais contribuem para que o currículo venha a ser entendido como:


  • conteúdos a serem ensinados e aprendidos
  • experiências de aprendizagem escolares a serem vividas pelos alunos;
  • planos pedagógicos elaborados pelos professores, escolas, sistemas educacionais;
  • os objetivos a serem alcançados por meio do processo de ensino;
  • os processos de avaliação que terminaram por influir nos conteúdos e nos procedimentos selecionados nos diferentes graus da escolarização.
Discussões sobre currículos incorporam várias coisas.


Então currículo é: experiências escolares que se desdobram em torno do conhecimento, em meio a relações sociais e que contribuem para a construção das identidades dos estudantes.

Currículo Oculto: Atitudes e valores transmitidos que tem consequências e até pode oprimir. Preocupação?
A autora fala da obrigação dos profissionais em elaborar currículos melhores.
Antes - estudos voltavam-se para currículo e conhecimento.
Depois - estudos currículo e cultura.

Por que currículo e cultura?
por causa da organização da vida social, cada um pode ser diferente.


Cultura é: dinâmica e imprevisível.
Dotada de pluralidade que acarreta confrontos e conflitos.


TEMA CENTRAL: Conhecimento Escolar

A escola precisa se preparar para socializar os conhecimentos escolares.

O que entendemos por conhecimento escolar?

Devem ser: conhecimentos relevantes e significativos.

Relevância: potencial que o currículo possui de tornar as pessoas capazes de compreender o papel que devem ter na mudança de seus contextos imediatos e da sociedade em geral.

Qualidade: fazer do aluno sujeito ativo na mudança do seu contexto.
Implica: saberes disciplinares+saberes socialmente produzidos.

Conhecimento Escolar: tem características próprias que o distinguem de outras formas de conhecimento.

Como surge? Através dos conhecimentos de referência que sofre descontextualização e recontextualização.
Existe uma ruptura do que é de origem e do que é escolar.
Ex: Investigação Científica # Experiência Científica Escolar
Existe uma diferença entre o cotidiano e a escola.

Descontextualização: é necessária, não dá para ensinar como se é na origem, mas não totalmente, ela desfavorece a reflexão e a aprendizagem.

Livro didático: precisa de novas formas de se trabalhar

Informações e Saberes: acesso: não linear - não gradativo

Os conhecimentos escolares, são submetidos às rotinas que permitem sua avaliação.
Ex: ensinamos aquilo que podemos avaliar.

Conteúdos: nem todos são avaliados da mesma forma.

Relações de Poder: Interferem na construção do conhecimento escolar - valorização das disciplinas científicas, algumas tem certa prioridade - existe uma hierarquia - tráz valorização de algumas coisas e desvalorização de outras.

Cultura, diversidade cultural e currículo.

Significados:

1º Cultivo da terra: floricultura, agricultura etc...
2º Mente Humana: mente humana cultivada (somente alguns indivíduos, grupos e classes sociais tem) - algumas noções apresentam elevado padrão de cultura.
3º Cultura Popular: vinda através dos meios de comunicação de massa.

A autora questiona se as escolas não fecham as portas para as manifestações culturais, desvalorizando os saberes e valores culturais familiares na entrada da sala de aula.
4º Cultura ( originária do Iluminismo ) - associada a um processo de desenvolvimento social.

Cultura - implica: conjunto de práticas sociais das quais significados são produzidos e compartilhados em um grupo.


entendemos que: Currículo e Cultura - Conjunto de práticas significantes

Currículo - Conjunto de Práticas em que significados são construídos - propicia a produção, a circulação e o consumo no espaço social e que contribuem para a construção de identidades sociais e culturais.

Conflito: existe no cenário cultural na sala de aula.
Currículos - não são naturais são construções históricas.

Princípios para a construção de currículos multiculturalmente orientados

  1. Nova postura
  2. Reescrever os conhecimento escolares - espaço de crítica cultural, diálogo, desenvolvimento e pesquisas.
Nova postura refere-se a abertura para diferentes manifestações culturais.

Reescrever os conhecimentos é buscar em diferentes raízes étnicas, diferentes pontos de vista. Indagar! Criticar... ser crítico.
Confrontar pontos de vista da história.

Ancoragem social dos conteúdos - como surgem certos conhecimentos
( conceitos) Por que foram aceitos ou não?

Reconhecimento de nossas identidades culturais - visão homogenizadora e estereotipada.

Nossas representações sobre os outros - O que os outros representam para nós? - nós - somente os que são iguais?

Chama-se: "fonte do mal" - valorizar uns - desvalorizar outros pelas diferenças.

Crítica Cultural: Primeiro abrir-se para manifestações culturais e interações entre diferentes culturas, outras manifestações.
Tudo que é natural precisa ser questionado - poder não é absoluto

Desenvolvimento de Pesquisas: comprometer-se com a pesquisa - o currículo deve ser um espaço para pesquisa.

Posicionar-se politicamente - problemas econômicos, culturais, ambientais, desconhecem as fronteiras entre as nações ou classes sociais.



Nenhum comentário:

Postar um comentário